Fio ou banana?

Fiz outra experiência com a Matilda. Ela é famosa por roer fios elétricos em casa e já causou diversos prejuízos financeiros por estragar equipamentos. Por sorte, ela ainda não caiu de boca num 220V ligado.

Nesta semana, me lembrei do denatônio. É a substância mais amarga do mundo, usada para desestimular o uso do álcool doméstico para a fabricação de bebidas. Um mililitro de denatônio em mil litros de álcool é o suficiente para deixar qualquer licor caseiro intragável.

Assim, a ideia é molhar os fios com álcool, para que o amargor do denatônio afaste deles a coelha.

Para saber se daria certo, fiz a experiência usando três pedaços de banana, um dos petiscos favoritos da Matilda. Dois pedaços estavam in natura; o terceiro foi espargido com álcool 46°. Se ela comesse, poderia ficar um pouco bêbada, mas não traria maiores complicações.

Tiro certeiro: os dois pedaços de banana limpos foram devorados em minutos. O pedaço com denatônio ficou quase intacto.

Resultado da experiência: Matilda não quer mais comer banana.

Mas o cabo do teclado de um micro que fica no chão amanheceu destruído.

Publicado por

Roberto Moreno

Pacifista, anarquista, humanista, libertário, ateu, geek, nerd, sedentário, baixinho e barrigudo

Deixe uma resposta